sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Poesia: Antagonismo / Autor(a): ?

Antes o pensamento não voasse tanto.
Este cansaço vem do esforço inútil,
da tentativa absurda
de levar consigo
o corpo escravo.

Destinos demais antagônicos.
Um - livre, independente, solitário;
o outro - rastejante, submisso de um viver promíscuo.

Tão grande é a vocação do corpo
para arrastar-se por lugares fáceis
que seduz quase sempre o pensamento; 
e o pensamento,
soberano frágil,
não consegue arrastá-lo nos seus vôos.



Imagem: http://sa-cool.deviantart.com/art/Is-alone-95567440?q=boost%3Apopular%20girl%20alone&qo=1